APERFEIÇOANDO AS TEMPESTADES

DEMOLINDO MAIS UM DOS PILARES

Há pouco comentei sobre a pletora de tempestades imperfeitas que ameaçam o governo brasileiro, tendo definido tempestades imperfeitas como “colisões conflituosas entre os principais esteios da sobrevivência do governo em uma democracia representativa”. São imperfeitas porque, até o momento, nenhuma delas é condição suficiente para provocar o colapso atual do governo. Não obstante, “longe de complementar-se mutuamente na função de oferecer, ao governo democrático, a governabilidade estável de que depende sua sustentação, [a interação entre a presidência e esses esteios] concorre, ao contrário, para seu colapso”.

No comentário passado sobre “Várias Tempestades”, tentei mostrar como o chefe do Executivo não se mostra capacitado para exercer a liderança inerente ao cargo em suas relações com as instituições, os representantes de interesses, e o eleitorado em geral. A conduta política de Bolsonaro na semana que passou aprofunda a relação conflituosa do presidente com o âmago de sua própria identidade política e aproxima essa tempestade da perfeição.

O presidente se conduz como se não pudesse suportar a existência de interlocutores. Tudo o que faz para enfrentar uma insatisfação, em vez de tentar entender a natureza do problema e os meios para enfrenta-lo, é escolher um culpado e ataca-lo por todos os meios. Afasta, demite, substitui, escorraça.

Como não entende por que deveria convencer seus correligionários, age para destruir o partido inteiro, ignorando que a probabilidade de encontrar abrigo em outro partido essencialmente diferente do PSL é próxima de zero. Siglas não faltarão – embora talvez falte a grana pública tirada dos fundos partidários – mas serão o que a folclore da política nacional trata como “siglas de aluguel”.

Alguns dirão – talvez com razão – que é disso mesmo que nosso supremo magistrado precisa, mas parece não ter encontrado no PSL: um grupo de fiéis fanatizados e políticos venais, facilmente manipuláveis por meio de uma liderança “mítica”, e que possam ser afastados, demitidos e descartados a seu bel prazer. Respondo que a probabilidade de Bolsonaro não repetir o seu modus operandi – imaginar um incômodo, escolher um culpado e atacar a torto e a direito, é ínfima.

O único resultado possível é aumentar seu isolamento político: um passo a mais no aperfeiçoamento das tempestades.

578 comentários sobre “APERFEIÇOANDO AS TEMPESTADES

  1. Can I just say what a relief to seek out someone who really knows what theyre speaking about on the internet. You positively know the right way to bring a problem to gentle and make it important. Extra individuals have to learn this and perceive this side of the story. I cant imagine youre no more standard because you definitely have the gift.

  2. Hello there! Do you know if they make any plugins to help with Search Engine Optimization? I’m trying to get my blog to rank for some targeted keywords but I’m not seeing very good success. If you know of any please share. Thanks!

  3. A powerful share, I just given this onto a colleague who was doing somewhat evaluation on this. And he in actual fact bought me breakfast as a result of I found it for him.. smile. So let me reword that: Thnx for the treat! However yeah Thnkx for spending the time to discuss this, I feel strongly about it and love reading more on this topic. If doable, as you turn out to be expertise, would you mind updating your weblog with extra particulars? It is extremely helpful for me. Big thumb up for this blog publish!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *